Pontualidade brasileira em situações formais e informais

Olá a todos que me leem!!! Sou a professora de Português para Estrangeiros Aline Simo e é um imenso prazer estar aqui novamente com vocês. Lembram do meu último post? Falei sobre os hábitos de higiene dos brasileiros. Hoje vamos falar de um tema bem conhecido para a maioria dos estrangeiros que vem ao Brasil estudar Português ou que convivem ou conviveram com brasileiros alguma vez na vida: a famosa pontualidade brasileira! (Ou a falta dela hahahaha).

Mas por que será que os brasileiros têm tanta dificuldade em serem pontuais?

Meus alunos sempre fazem piadas porque sou muito pontual. (Às vezes até chego cedo demais e fico esperando uma eternidade). O estereótipo do povo brasileiro é de ser atrasado, e tristemente preciso concordar…

Infelizmente os brasileiros são vistos como um povo que não sabe ser pontual. A péssima fama não é sem razão: há questões históricas e culturais que revelam que realmente não somos muito comprometidos com horários.

Quando casei e convidei meus alunos estrangeiros e expliquei que o horário do convite era somente para os brasileiros… Para os estrangeiros seria 30 minutos após o horário indicado no convite! Estranho isso? Como é em seu país?

Quem nunca chegou 10 minutos atrasado a um encontro e achou isso extremamente normal? Bom, quem nunca se atrasou na vida, que atire a primeira pedra! (Eu acho que posso atirar algumas hahahaha). Vejam este vídeo e tirem suas conclusões sobre nossa pontualidade… Estou curiosa à espera do comentário de cada um.

Alguns brasileiros apresentam tanta dificuldade em serem pontuais, que nem mesmo no trabalho conseguem chegar sempre na hora. A regra é de que 15 minutinhos são tolerados! Mas dependendo do ambiente de trabalho ou, por exemplo, espetáculos como cinema e teatro os brasileiros tentam ser pontuais.

De acordo com o psicólogo Robert Levine, “o Brasil é um dos líderes nos atrasos em todo o mundo. Na verdade, somos muito tolerantes com a falta de pontualidade e essa tolerância vai passando de geração em geração. Só para se ter uma ideia, em terras tupiniquins é muito comum que os próprios anfitriões e organizadores de eventos adiem o início das programações para que os atrasados não percam nada da festa. Em vez de serem punidos pelo atraso, eles são privilegiados, os papéis se invertem e quem é pontual acaba sendo penalizado por chegar cedo.” (Fonte) Bem-vindos ao meu mundo de brasileira pontual… Assim que me sinto sempre!

A pontualidade é uma questão cultural. Em países como Alemanha, Japão, China, Inglaterra, dentre outros, chegar atrasado é uma ofensa e questão de desrespeito com o outro. Já ouvi vários alunos estrangeiros questionando se os brasileiros acham que o tempo deles é mais importante do que o dos demais… Algum de vocês já passou por isso? Seu país é pontual? Quem aqui já ouviu a expressão “pontualidade britânica”? Alguém imagina o significado?

Para vocês, esse ponto cultural do Brasil foi alguma novidade? Conte-nos as suas experiências com relação a esse tema! Tenho certeza de que algumas situações serão super divertidas!

Gostaram do post? Entrem em contato e agendem uma aula experimental para conhecerem nossa equipe!

Abraços,

Professora Aline Simo

Deixe seu comentário