Dia Nacional da Língua Portuguesa

by cursovilabrasil on 05/11/2013 No comments

lp_blogDia 05 de novembro é o Dia Nacional da Língua Portuguesa.  O Português é o sétimo idioma mais falado no mundo com aproximadamente 200 milhões de falantes falantes. A Comunidade dos Países de Língua Portuguesa reúne oito países onde o português é idioma oficial: Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. A Língua Portuguesa também é um dos idiomas oficiais da Guiné Equatorial e da região administrativa especial chinesa de Macau.

O dia 05 de novembro foi escolhido em homenagem ao aniversário de nascimento de Ruy Barbosa, membro fundador da Academia Brasileira de Letras. Ruy Barbosa foi um importante intelectual da sua época, além de um grande estudioso do nosso idioma. A data comemorativa foi instituída no Brasil pela Lei nº 11.310 em 2006.

Fonte: educarparacrescer.abril.com.br

Aprenda português com professores especializados

cursovilabrasilDia Nacional da Língua Portuguesa

Já está disponível portal que auxiliará professores de PLE

by cursovilabrasil on 04/11/2013 No comments

O Portal do Professor de Português Língua Estrangeira (PPPLE) é uma plataforma on-line criada pelo Instituto Internacional da Língua Portuguesa (IILP) que tem como objetivo oferecer à comunidade de professores e interessados em geral, recursos e materiais para o ensino e a aprendizagem do português como língua estrangeira. Foi atribuída ao IILP “a tarefa de criar uma Plataforma comum na internet, relativa ao ensino do português” durante a I Conferência Internacional sobre o Futuro do Português no Sistema Mundial, realizada em março/abril de 2010 em Brasília.

O Portal ainda está em fase de testes, mas já estão disponíveis diversas atividades separadas pelo nível e pelas variantes portuguesa, angolana, brasileira e moçambicana. Para baixar os materiais é necessário fazer uma conta com e-mail e senha.

Acesse o Portal clicando aqui ou na imagem.

Portal

Learn Portuguese in Brazil

cursovilabrasilJá está disponível portal que auxiliará professores de PLE

Expansão da Língua Portuguesa

by cursovilabrasil on 03/11/2013 No comments

Um dos desafios do português é continuar a expansão, mostrando-se mais ao mundo, através da cultura, mas também da ciência e inovação e da diplomacia, com uma presença desejada como língua de trabalho ou oficial de organizações, como as Nações Unidas, e um peso, sempre crescente, no mundo digital.

bandeira+CPLP+AP

 “Não é só o poderio dos estados que determina a importância da língua”, frisou Amaral Lala, representante do Ministério das Relações Exteriores de Angola. “É o prestígio das universidades, a obra publicada, o modelo cultural e a capacidade de exportar esse modelo.” É isso que transporta a língua, e a sua influência, para o sistema mundial. “A área do conhecimento é fundamental.”

As aspirações de uns e de outros mostram como os países da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) caminham “a duas velocidades”, salientou, já no último dia da conferência, Arlindo Isabel, fundador da Editora Nzila de Angola. Além de Portugal e do Brasil, “os outros países vivem realidades completamente diferentes quanto à promoção da língua”. É preciso apoiar a escola, melhorar o ensino do português, estimular as diásporas em países vizinhos de estados lusófonos, que podem ser âncoras para despertar o interesse pelo português de pessoas que ainda não falam português.

“A língua pode ser um poderoso instrumento” de afirmação e influência dos países. Mas “para que a língua portuguesa seja exportada para fora do espaço da CPLP, devem ser criadas as condições internas”, frisou Amaral Lala. A escola, peça fundamental nesse processo, ainda é deficitária em muitos países da CPLP. “O acesso à escola é o acesso à língua portuguesa” em muitos países onde a população fala mais facilmente os idiomas locais e nacionais, acrescentou. Aí, ainda há populações analfabetas. Mas também há muitas pessoas interessadas em falar português, em países tão distantes e isolados do resto dos países lusófonos como Timor-Leste.

“Não bastam as declarações de vontade”, disse Graça Mira Gomes, a propósito das aspirações declaradas dos chefes de Estado e de Governo da CPLP sobre o estatuto do português como língua oficial ou de trabalho na ONU. “Trata-se de um objetivo de grande relevância política. Tornaria a ONU mais democrática”, acrescentou.
É preciso também investimento na formação de tradutores e intérpretes para elevar, como é desejo expresso dos responsáveis governamentais dos países da CPLP, o português a esse estatuto, que refletiria o “peso demográfico, cultural, político e econômico” da língua portuguesa.

Fonte: www.publico.pt

El mejor lugar para aprender portugués

cursovilabrasilExpansão da Língua Portuguesa

Secretário executivo da CPLP propõe a mobilidade de estudantes, professores e pesquisadores entre os países membros

by cursovilabrasil on 01/11/2013 No comments

Murade Murargy, secretário executivo da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, que discursou na abertura da 2ª Conferência sobre a Língua Portuguesa no Sistema Mundial, defendeu uma “reflexão conjunta sobre o espaço do ensino superior, ciência e tecnologia da CPLP”.

cplpO responsável da CPLP levantou a possibilidade da “criação de um programa especial destinado à mobilidade de estudantes, docentes, investigadores e técnicos no espaço da comunidade”, salientando a “importância da circulação do conhecimento académico e científico e da colaboração em redes, e da implementação conjunta de projetos de cooperação”. “Mantemos a prioridade de atuação futura na criação do espaço de ensino superior da CPLP”, intenção aprovada há cerca de dez anos, disse Murade Murargy.

“Os desafios são gigantescos. Para a concretização do objetivo estratégico de construir um espaço de ensino superior para a CPLP são chamadas as universidades dos Estados-membros”, sustentou.

“Atualmente, as dimensões geopolítica e geoeconômica conferem à língua portuguesa um potencial cada vez maior no plano da correlação com outras línguas dominantes, por força dos indicadores de crescimento econômico de alguns Estados-membros e pela forte atuação da concertação política e diplomática da CPLP no sistema internacional”, defendeu.

Recordando que o português é a sexta língua mais falada no Mundo, considerou que “o seu valor traduz-se efetivamente num crescente impacto no mundo dos negócios de projeção global”.

Fonte: observatorio-lp.sapo.pt

 Learn Portuguese in Brazil

cursovilabrasilSecretário executivo da CPLP propõe a mobilidade de estudantes, professores e pesquisadores entre os países membros

Seleção de professores brasileiros para atuação no Timor-Leste

by cursovilabrasil on 31/10/2013 No comments

Inscrições para o Programa de Qualificação de Docente e Ensino de Língua Portuguesa no Timor-Leste vão até o dia 17 de dezembro.

banner-destq-brasil-timorFoi divulgado hoje edital que selecionará bolsistas interessados na execução do ensino e na formação de professores em Língua Portuguesa no Timor-Leste. As inscrições deverão ser feitas pela internet até o dia 17 de dezembro.

Serão escolhidos até 44 bolsistas da modalidade Estágio Docente e até seis bolsistas da modalidade Articulador Pedagógico para atuarem pelo Programa. Os selecionados receberão mensalidade, auxílio-instalação, seguro saúde e adicional localidade.

Mais informações no site da Capes.

Fonte: noticias.universia.com.br

Want to learn portuguese?

 

cursovilabrasilSeleção de professores brasileiros para atuação no Timor-Leste

Países lusófonos querem tornar o português a 7ª língua oficial da ONU

by cursovilabrasil on 30/10/2013 No comments

cplp onuA ONU tem hoje duas línguas de trabalho (inglês e francês) e seis línguas oficiais (árabe, chinês, inglês, francês, russo e espanhol).

Segundo o embaixador do Brasil, Guilherme de Aguiar Patriota, “é uma prioridade para o Brasil a colaboração estreita com os países de língua portuguesa na ONU”. Patriota propõe ainda “que a estratégia de disseminação da língua seja feita de modo gradual, uma vez que se trata de uma questão que envolve custos”.

“Um ponto de partida, por exemplo, poderá ser a tradução de alguns documentos da ONU para a língua portuguesa”, explicou Aguiar Patriota, sublinhando que “em algumas agências especializadas da ONU, como por exemplo a Organização Mundial de Propriedade Intelectual (OMPI), já se admite a prática de intervenções em português durante as reuniões principais do órgão deliberativo”.

Se o português fosse considerado língua oficial, todas as intervenções seriam obrigatoriamente traduzidas em simultâneo. Caso alcançasse o estatuto de língua de trabalho, toda a documentação produzida passaria a estar disponível também em português.

Álvaro Mendonça e Moura, embaixador de Portugal junto às Nações Unidas, sublinhou que o português “já tem estatuto de língua oficial, de trabalho ou de documentação numa multiplicidade de entidades pertencentes ao sistema” da ONU e dá vários exemplos, como Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), o Fundo Monetário Internacional (FMI) ou a Organização Mundial de Saúde (OMS). O diplomata lembrou ainda que português é uma das duas línguas não oficiais com emissões diárias na rádio da organização e que isso é “o reconhecimento devido pelo expressivo número de falantes do português no Mundo, em diferentes países e em vários continentes”.

Fonte: observatorio-lp.sapo.pt

El mejor lugar para aprender portugués

cursovilabrasilPaíses lusófonos querem tornar o português a 7ª língua oficial da ONU

Começa hoje a 2ª Conferência da Língua Portuguesa no Sistema Mundial

by cursovilabrasil on 29/10/2013 No comments

lisboa

A 2ª Conferência da Língua Portuguesa no Sistema Mundial começa nesta terça-feira (29). Mais de 200 representantes dos oito países de língua Portuguesa ser reúnem em Lisboa.

“A conferência vai ser transmitida na Internet para todo o mundo e qualquer pessoa no mundo pode colocar questões às pessoas que estão nos painéis, através do Twitter. Vamos tentar que em todos os painéis se responda pelo menos a uma ou duas questões dessas”, disse a presidente da comissão organizadora e do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua.

Interessados poderão acompanhar a transmissão da Conferência e comentar pelo twitter por meio da hashtag #falarportugues

Três anos e meio depois da primeira conferência, que decorreu no Brasil e resultou na adoção do Plano de Ação de Brasília para a Promoção, a Difusão e a Projeção da Língua Portuguesa, os participantes vão fazer o balanço do que foi feito desde então e deverão abordar os temas a incluir no Plano de Ação de Lisboa, cuja redação será finalizada na quinta-feira pelos representantes dos Estados-membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP).

Recordando que a primeira conferência tinha como tema a língua portuguesa na Internet e no mundo digital, Ana Paula Laborinho sublinhou que hoje o português é a quinta língua mais usada na Internet e a terceira nas redes sociais, como o Twitter e o Facebook.

Recordando que atualmente se pensa na língua inglesa como a língua da ciência, a responsável afirmou que na conferência serão apresentadas propostas concretas para valorizar o português como língua de investigação e ciência.

Na II Conferência, que decorre na Universidade de Lisboa, deverão participar o ministro dos Negócios Estrangeiros de Portugal, Rui Machete, o secretário executivo da CPLP, Murade Murargy, e centenas de especialistas e representantes políticos dos oito Estados-membros da organização lusófona.

Além dos painéis sobre temas como ciência e inovação, diversidade linguística, ensino e a internacionalização e indústrias criativas, estão previstas dezenas de comunicações livres, selecionadas de 100 candidaturas.

Mais informações no site www.conferencialp.org

Fonte: http://observatorio-lp.sapo.pt/pt/noticias/conferencia-junta-200-especialistas-em-lisboa

The best place to learn portuguese

cursovilabrasilComeça hoje a 2ª Conferência da Língua Portuguesa no Sistema Mundial

Escritores brasileiros – Machado de Assis

by cursovilabrasil on 28/10/2013 No comments

maMachado de Assis (21 de junho de 1839 – 29 de setembro de 1908) é considerado o maior nome da literatura brasileira. Escreveu em diversos gêneros literários, foi poeta, romancista, cronista, dramaturgo, contista, folhetinista, jornalista, e crítico literário.

Nascido em família pobre, nunca frequentou universidade. Seu interesse nos diversos tipos de leitura fez com que conseguisse subir socialmente por sua capacidade intelectual.

Em sua maturidade, reunido a colegas próximos, fundou e foi o primeiro presidente unânime da Academia Brasileira de Letras.

Sua obra constitui-se de nove romances e peças teatrais, duzentos contos, cinco coletâneas de poemas e sonetos, e mais de seiscentas crônicas. Machado é considerado o introdutor do Realismo no Brasil, com uma de suas obras mais famosas, Memórias Póstumas de Brás Cubas. Em suas obras se faz presente uma forte crítica à sociedade e às relações políticas da época.

Entre seus livros mais famosos estão Memórias Póstumas de Brás Cubas, Dom Casmurro e Quincas Borba.

Quer conhecer um pouco da obra de Machado de Assis? Seus livros estão disponíveis no Portal Domínio Público, do Governo Federal. Clique aqui e baixe a obra deste importante escritor brasileiro.

Learn Portuguese with us

cursovilabrasilEscritores brasileiros – Machado de Assis

16º Festival da Lusofonia em Macau

by cursovilabrasil on 26/10/2013 No comments

 

A partir do dia 1º de novembro acontece o 16º Festival da Lusofonia em Macau. Dez países e territórios de Língua Portuguesa estarão presentes no Festival com música, teatro, gastronomia e artesanato.

macauA organização espera atrair cerca de 25 mil pessoas. “As previsões do tempo para essa altura são boas, por isso estamos otimistas. No ano passado tivemos 25 mil pessoas, este ano esperamos um número semelhante”, afirmou Henry Ma Kam Keong, administrador do Instituto para os Assuntos Cívicos e Municipais (IACM), na apresentação do festival.

Expositores de 10 países e territórios vão estar representados no festival: Angola, Brasil, Cabo-Verde, Goa, Damão e Diu, Guiné-Bissau, Macau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor. Serão apresentadas mostras de artesanato, música, vídeos, fotografias, trajes típicos, petiscos e bebidas típicas. O Festival incluirá também espectáculos de música e dança de artistas e grupos lusófonos de Macau.

 Fonte: http://jtm.com.mo/local/esperadas-25-mil-pessoas-na-festa-da-lusofonia/

Aprenda português com professores especializados

cursovilabrasil16º Festival da Lusofonia em Macau

Língua Portuguesa é incluída no Ensino Secundário da República da Guiana

by cursovilabrasil on 24/10/2013 No comments

guianaO Ministério da Educação anunciou, dia 17 de outubro, a inclusão do português no Ensino Secundário da República Cooperativa da Guiana. A República da Guiana é o único país da América do Sul que tem o inglês como língua oficial, e quer introduzir o ensino de Português para estreitar as relações com o Brasil.

Durante o anúncio, em Georgetown – capital do único país sul-americano de língua oficial inglesa –, a ministra da Educação, Priya Manickchand, disse que, desde que o Brasil e a Guiana desfrutam de relações mais estreitas, as pessoas que aprendem o português irão para mais além dessas relações, e isso, por sua vez, beneficia a ambos os países. “Visto que a Língua nunca vai impedir a Guiana de apreciar as relações com todos, certamente a familiaridade com o povo do Brasil vai ajudar a fortalecer a nossa amizade.”

Ela observou também que os países serão capazes de compartilhar experiências para se desenvolverem ainda mais, salientando que o Brasil é a sexta maior economia do mundo.

Fonte: observatorio-lp.sapo.pt

 Want to learn portuguese?

 

cursovilabrasilLíngua Portuguesa é incluída no Ensino Secundário da República da Guiana